Nova York ganha brasilidade com a arte viva de Burle Marx

A exposição é a maior da a história do Jardim Botânico de Nova Iorque – Foto: Reprodução

Para os brasileiros que estiveram procurando um novo passeio, a maior exposição que o Jardim Botânico de Nova York já abrigou é assinada pelo grande arquiteto e paisagista Roberto Burle Max (in memoria). Inaugurada no sábado (8). Conhecido por seu trabalho com com cores e diversidade de espécies, a exposição “Moderna Brasileira: A Arte Viva de Roberto Burle Marx” promete fazer jus a memória do paisagista.

Foram três anos planejando a exposição que conta com jardins exuberantes, com  projetos paisagísticos ousadamente criativos e precisos e astos e imersivos jardins, destacando plantas nativas do Brasil. Pinturas, desenhos e tecidos de Burle Marx também ganharam espaço na exposição. Carioca de coração, estão presentes o carnaval, samba e a Capoeira ao jazz que evocam a exuberância do Rio de Janeiro e inspiraram a vida e obra do paisagista. A exposição acontece até o dia 29 de setembro.

Confira algumas fotos:

Foto: Don Emmert / AFP
Foto: Don Emmert / AFP
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *