Pernambuco: Grupo espanhol compra maior produtora brasileira de uva de mesa

Espanhola El Ciruelo adquiriu a Fazenda Labrunier, que fica em Petrolina

Compra inclui cinco empresas no Brasil e uma trading na Holanda / Foto: Divulgação
Compra inclui cinco empresas no Brasil e uma trading na Holanda
Foto: Divulgação

Fernando Castilho

Quase dois meses depois de a gigante de operação de aeroportos Aena adquirir a gestão de seis terminais no Nordeste – responsáveis por 6,5% de todo tráfego de passageiros no Brasil –, outro grupo espanhol faz uma grande aquisição em Pernambuco.

A empresa El Ciruelo, com sede em Murcia na Espanha, adquiriu do Grupo JD sediado em Petrolina, maior produtora brasileira de uva de mesa, a Fazenda Labrunier, e seu braço internacional, a subsidiária Brasvius.

A compra inclui cinco empresas no Brasil e uma trading na Holanda. Ela está entre os maiores produtores de frutas, com mais de 3.000 trabalhadores e 2.400 hectares de propriedade, quase 1.000 dos quais já estão em produção, com a maior área do mundo dedicada exclusivamente ao desenvolvimento de novas variedades.

A Labrunier é também uma empresa de ponta em termos de sofisticação e supervisão das culturas, com certificados ambientais “Rainforest Alliance”.

Do ponto de vista estratégico e comercial, o El Ciruelo vai incorporar, com o movimento, o grupo líder em produção e venda de uvas no mercado interno brasileiro, que também possui a maior rede de exportação de uvas do País. Atende diretamente clientes internacionais como Walmart, Wholefoods e Loblaws na América do Norte e varejistas europeus.

O Grupo El Ciruelo é uma empresa familiar da Espanha que, assim como a Labrunier no Brasil, atua há mais de 30 anos com produção e exportação de frutas no mercado mundial.

Conheça o grupo espanhol

Atualmente, o Grupo El Ciruelo possui mais de 30 fazendas, totalizando 3.200 hectares em produção, sendo 2.000 hectares de uvas de mesa, e 1.200 ha de frutas de caroço.

Sua força de trabalho conta com cerca de 5 mil funcionários a cada safra, necessários para manter a elevada produtividade. 
O grupo é um forte competidor do setor de frutas no mercado mundial, e atende as principais redes de supermercados e distribuidores de todo o mundo.

No comunicado de aquisição, os espanhóis dizem que juntos (El Ciruelo, Labrunier e Bravis) devem produzir e comercializar mais de 100 mil tons/ano de uvas sem sementes, além de Frutas de Caroço, Limão Siciliano, Tangerinas e Manga.

O El Ciruelo está presente em mais de 55 países e atende 170 clientes no Brasil e 150 no exterior. O Grupo JD é de liderado pelo empresário Arnaldo Eijsink, que já foi executivo do Grupo Carrefour quando o grupo possuía fazendas de frutas no Vale. Eijsink adquiriu as propriedades quando o grupo francês decidiu sair da produção direta de frutas no Brasil.

O Grupo El Ciruelo pertence ao empresário Jose Velasco. A negociação foi feira diretamente pelos dos empresários. Velasco informou, no comunicado de aquisição, que a operação vai continuar sendo 100% familiar.

JC Economia


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *