CASTRO ALVES O POETA DOS ESCRAVOS

A imagem pode conter: 1 pessoa, close-up

Antônio Francisco de Castro Alves nasceu no 14 de março de 1846, há 172 anos, numa vila chamada Curralinho, hoje cidade e que leva o seu nome. É considerado o último grande poeta da Terceira Geração Romântica Brasileira.

Abolicionista, conhecido como “O Poeta dos Escravos”, expressava em suas poesias sua indignação com a escravidão e o os problemas sociais de seu tempo. Foi também um poeta do amor, exaltando a sua paixão pelas mulheres.

Trecho do poema Navio Negreiro:

Quem são estes desgraçados

Que não encontram em vós

Mais que o rir calmo da turba

Que excita a fúria do algoz?

Quem são? Se a estrela se cala,

Se a vaga à pressa resvala

Como um cúmplice fugaz,

Perante a noite confusa…

Dize-o tu, severa Musa,

Musa libérrima, audaz!…


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *