ANTÔNIO CONSELHEIRO E O MASSACRE DE CANUDOS

A imagem pode conter: 2 pessoas, pessoas sorrindo

O líder politico e espiritual Antônio Vicente Mendes Maciel, mais conhecido como Antônio Conselheiro, nasceu na cidade de Quixeramobim, no Ceará, no dia 13 de março de 1830.

Antes de se tornar líder da comunidade de Canudos, no Sertão da Bahia, Antônio Conselheiro foi caixeiro em Sobral, escrivão em Campo Grande, solicitador (aquele que exercia a função de advogado sem ser diplomado) em Ipu, e professor no Crato, onde foi abandonado por sua mulher e assim decidiu seguir definitivamente a vida de peregrino.

Conselheiro atraiu para Canudos muitos sertanejos, entre camponeses, índios e escravos recém libertos. O vilarejo foi destruído pelo Exército da República na chamada Guerra de Canudos, em 1897.

O conflito é considerado um dos maiores massacres do período. Ilustração: Raimundo Arcanjo #história #guerradecanudos


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *