SP abre processo de concessão das marginais para a iniciativa privada

Governo prevê investimento privado de R$ 3 bilhões nas vias

"SP Foto: Divulgação/Governo do EstadoO governo do Estado abriu nesta sexta-feira (27) o processo de concessão das marginais Pinheiros e Tietê, em São Paulo, para a inciativa privada. Nos próximos cinco meses, empresas podem enviar estudos e apresentar programas para a administração das vias. A previsão é que um edital seja lançado no segundo semestre.

A concessão deve envolver a revitalização, modernização e manutenção das marginais, incluindo pontes, viadutos, asfalto, iluminação, monitoramento e paisagismo. O governo estadual prevê investimento privado de R$ 3 bilhões. Porém, descartou a possibilidade de cobrança de pedágio nas vias. “A ideia é que o futuro concessionário seja remunerado diretamente pelo poder público”, disse o Vice-Governador Rodrigo Garcia, Presidente do Conselho Gestor de PPPs.

Apesar das marginais estarem sob responsabilidade da Prefeitura, será o governo estadual o responsável por administrar o processo de concessão. Junto com o chamamento, o Governador João Doria e o Prefeito Bruno Covas assinaram protocolo de intenções para compartilhamento de documentos e projetos para melhorias e manutenção das vias.

No chamamento, o Governo também prevê o recebimento de um segundo modelo de estudos que foque no trecho da Rodovia Raposo Tavares, da marginal Pinheiros até o km 34.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *