Jardim Secreto, no Poço da Panela, precisa de doações

Por Marina Suassuna

O Jardim Secreto, que está sendo implantado pelos moradores do Poço da Panela no terreno no final da Rua Marquês de Tamandaré, está precisando com urgência da instalação de um poço para regar as áreas de plantio.

Para isso, a Associação dos Moradores e Amigos do Poço da Panela (AMAPP) criou uma vaquinha para  finalizar a obra. O poço foi cavado no dia 23 de setembro com recursos do próprios moradores.

“Desde o dia 23, já temos água no Jardim. Também foi comprado, com ajuda de todos, o barro pra preparar o solo pra o plantio e também a bomba. Além disso, no último sábado (7) recebemos uma doação de grama”, diz Raynaia Uchôa, que está encarregada da tarefa.

Ainda há despesas previstas com ferramentas de limpeza e manutenção do terreno, entre elas, carrinho de mão, enxadas, serrote, tesouras de podar, vassouras e muitos outros. Para isso, os moradores precisam arrecadar R$ 1.062,80.

”Esta é a primeira etapa de arrecadação para que possamos cuidar e preservar as nossas conquistas, assim como avançar nos trabalhos. Mas virão outras, há muito a ser feito”, enfatizam os moradores.

“É fundamental que as pessoas participem da vaquinha com qualquer valor que esteja dentro das suas possibilidades. Pois o importante aqui é ajudar, colaborar, unir forças”, apelam.

Para receber as doações, foi criada uma conta poupança provisória e exclusiva para o Jardim Secreto. Veja como contribuir:

CONTA POUPANÇA – BANCO DO BRASIL
RAYNAIA T U CALADO
Variação: 51
Agência: 1509-1
Número da conta: 41223-6

O projeto

Encabeçado pela Associação dos Moradores e Amigos do Poço da Panela (AMAPP) em parceria com a INCITI/UFPE – Pesquisa e Inovações para as Cidades, o Jardim Secreto visa a reutilização de um terreno abandonado às margens do rio Capibaribe, no final da Rua Marquês de Tamandaré, no Poço da Panela, Zona Norte do Recife.

Além de reflorestar o terreno com plantas nativas da mata atlântica para serem compartilhadas, a proposta da AMAPP é transformar o Jardim Secreto num espaço de convivência e contemplação da natureza, jardins comestíveis, medicinais e ornamentais, além de um núcleo de educação ambiental para troca de conhecimento e prática dos princípios da agroecologia e permacultura.

A AMAPP conta com apoio da Emlurb para a limpeza dos entulhos e das pedras. Já foram plantados no local feijão, jerimum, milho e plantas de jardim. Os moradores ganharam composto orgânico da Prefeitura para dar continuidade aos plantios. Também foram implantados bancos para convivência no local.

Integrar as comunidades que habitam as duas margens do rio também é um dos objetivos do Jardim Secreto. Para isso, a AMAPP têm promovido programações gratuitas com música e confraternização, convocando tanto a população ribeirinha quanto os moradores dos prédios e condomínios, além de incentivar as travessias de barco com Antonio José da Cunha, mais conhecido como Pai.

Ele faz a travessia Poço da Panela/Iputinga há mais de 30 anos pelo Rio Capibaribe, bem no limite do Jardim Secreto, e foi responsável por cavar o poço d’água no local.

PorAqui


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *