Minas abre sete mil quilômetros de rodovias para concessão

O Governo de Minas abriu consulta para a concessão de sete mil quilômetros de rodovias que deverão ser licitadas no segundo semestre deste ano.

O programa de Manifestação de Interesse, lançado pelo Governador Aécio Neves, é uma consulta ao setor empresarial e à sociedade para a concessão de sete mil quilômetros de rodovias em várias regiões de Minas. A concessão poderá ser comum ou por meio da parceria público-privada, onde o Estado também participa com investimentos financeiros.

A primeira concessão em Minas aconteceu, no ano passado, pelo sistema PPP.

Foi na MG 050, que liga a Região Metropolitana de Belo Horizonte à divisa com o Estado de São Paulo.

Nos 350 quilômetros da rodovia serão investidos 712 milhões durante 25 anos. Para os 16 novos trechos de concessão as empresas interessadas terão seis m eses para apresentar propostas de investimentos e um plano de manutenção e conservação das rodovias.

Os 16 trechos serão licitados no segundo semestre deste ano. Fuad Noman, Sec. Est. Transportes e Obras Públicas São estradas estaduais e também federais que estão em processo de transferência para o Estado.

O lote 10, por exemplo, tem 655 quilômetros. São 529 quilômetros de rodovias estaduais, como a MG 262, entre Mariana e Ponte nova e 126 de rodovias federais, como a BR 356, entre a BR 040 e Ouro Preto.

Regiões históricas que atraem turistas e geração de emprego e renda para a população.

A expectativa de investimento nos 16 lotes é de três bilhões e meio de reais.

Aécio Neves, Governador A abertura do Programa de Manifestação de Interesse é inédita no setor rodoviário no país.

O procedimento já é adotado em concessões rodoviárias na Inglaterra, Itália, Canadá, África do Sul e Chile.

Reportagem: Marco Aurélio Franco


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *